AMAVI - Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí

Presidente Getúlio-Fortalecida a parceria entre Prefeitura Municipal, Projeto Piava e Agência da Água do Vale do Itajaí

terça, 9 de fevereiro de 2010

Em 1º de fevereiro de 2010, o prefeito de Presidente Getúlio Nilson Francisco Stainsack se reuniu com a Equipe do Projeto Piava e a equipe técnica do Departamento de Turismo e Meio Ambiente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico- SEDECON, para reafirmar a parceria com o projeto afim de envolver o município em um novo programa criado pelo Projeto Piava- Fundação Agência de Água do Vale do Itajaí.

O município de Presidente Getúlio é um dos 11 municípios da região do Vale do Itajaí a aprovar o Programa de Conservação e Recuperação de Mata Ciliar (PRMC) no estado de Santa Catarina, o que possibilita a inserção do município em vários programas que auxiliarão na recuperação de áreas de preservação permanente, áreas degradadas e áreas de vulnerabilidade ambiental.

A parceria firmada visa a implementação do Programa Regional de Neutralização de Carbono, o que implicará no auxílio financeiro e acompanhamento técnico das propriedades que recuperaram áreas na fase 01 do Projeto Piava, na fase 02 e demais propriedades que tiverem interesse em recuperar APP's- áreas de preservação permanente; gerando recursos para os proprietários manterem estas áreas.

O Programa funcionará da seguinte maneira: O Projeto Piava através da Fundação Agência de Água do Vale do Itajaí fará o cadastramento de empresas e indústrias potencialmente e efetivamente poluidoras, contará com o apoio de uma equipe técnica que fará o inventário de resíduos de cada empresa e indústria interessadas em neutralizar o carbono gerado no seu processo de produção. Este inventário será executado e revertido em valores contabilizados em toneladas de CO2 produzidas por cada segmento gerador cadastrado no projeto.

O produtor ou proprietário envolvido com a recuperação de áreas, devidamente cadastrado pela prefeitura, terá o auxílio financeiro tanto para isolar, plantar, quanto para manter as áreas recuperadas; isso se dará por hectare e este receberá mensalmente uma quantia em dinheiro por estar neutralizando o carbono gerado pelas indústrias/ empresas cadastradas no projeto, sendo esta de qualquer município do Vale do Itajaí. Cada hectare de floresta da Mata Atlântica incorpora em média 5 toneladas de CO2 ao longo do tempo de vida de cada árvore, podendo variar de acordo com a espécie.

O tempo de vida médio utilizado para o Programa Regional de Neutralização de Carbono é de 15 anos, conferindo aproximadamente 176,2 toneladas de CO2 incorporados por hectare ao longo deste período( Floresta Nativa- Mata Atlântica).

Mais notícias

Consórcios


Acesso Rápido

Próximos aniversários